Duplo Diploma

Duplo Diploma

Duplo Diploma FZEA – Oniris

 

Essa modalidade de intercâmbio permite que o aluno do curso de Engenharia de Alimentos cumpra parte de suas disciplinas na instituição francesa ONIRIS tendo ao final do curso o diploma das duas instituições envolvidas. O mesmo ocorre para o aluno da ONIRIS que vem para FZEA para obter o Duplo Diploma.

 

Este programa destina-se a estudantes do curso de Engenharia de Alimentos da FZEA que tenham cursado e sido aprovados em todas as disciplinas do primeiro ao sétimo semestre. Todavia, é possível participar da seleção estudantes que ainda não cumpriram todas as disciplinas requeridas, que estejam cursando o sexto semestre, por exemplo.

 

A seleção é feita conjuntamente com a do Programa BRAFAGRI.

 

O aluno selecionado para o programa cursará os quatro últimos semestres completos do curso de “Ingénieur Agroalimentaire” da ONIRIS, sendo que o último semestre é reservado exclusivamente para estágio, que deve ser de 24 semanas. Além do estágio final, o aluno terá obrigatoriamente que cumprir 8 semanas de estágio durante o período de férias de verão.

 

A duração total do curso, neste programa, é de onze semestres.

 

Coordenação: Profa. Carmen Sílvia Fávaro Trindade – carmenft@usp.br
Vice-coordenação: Profa. Vivian Lara dos Santos Silva – vivianlara@usp.br

 

Alunas em Duplo Diploma

Alunas da FZEA em Duplo Diploma em 2015

 

Duplo Diploma FZEA – Montpellier SupAgro

 

O curso de Engenharia de Alimentos da FZEA possui um convênio de duplo diploma com a Montpellier SupAgro, uma instituição francesa. Esse convênio permite que o aluno do curso de Engenharia de Alimentos obtenha ao final de sua formação a dupla titulação, ou seja, o título de Engenheiro de Alimentos pela USP-FZEA, e o título de “Ingénieur des Systèmes Agricoles et Agroalimentaires au Sud option Industries Agro-Alimentaires au Sud” (Ingénieur SAADS) pela instituição francesa Montpellier SupAgro.

 

O curso de Ingénieur SAADS visa formar engenheiros para o desenvolvimento do agronegócio sustentável nas regiões dos países mediterrâneos e países tropicais. Ao longo da formação, a ênfase do curso é aplicada ao uso e exploração de produtos agrícolas tropicais, através do desenvolvimento de alimentos tradicionais ou produtos inovadores, adaptados aos mercados locais e de exportação. A formação fornece ferramentas para a inovação de produtos e desenvolvimento de negócios em diferentes escalas incorporando os ambientes socioeconômicos e tecnológicos específicos dos países do Sul, visando o empreendedorismo. A instituição Montpellier SupAgro está localizada na cidade de Montpellier, que é um grande polo de pesquisa e ensino na área de ciências agrárias (Figura 1). Em 2006, visando melhor agrupar as competências deste grande polo agrário, e situá-lo frente sua importante representatividade no setor agronômico, várias instituições (CEP Florac, Ensia-Siarc, Cnearc, Agro M, Engref) foram agrupadas formando o atual estabelecimento Montpellier SupAgro (Figura 1).

 

Pôle de recherche

Figura 1. Representação do polo de pesquisa e ensino superior agronômico presente em Montpellier, e a instituição Montpellier SupAgro. (Fonte: material fornecido pela Montpellier-SupAgro).

 

Para se candidatar a Dupla titulação, os alunos do curso de Engenharia de Alimentos da FZEA, devem ter cursado e sido aprovados em todas as disciplinas do primeiro ao sétimo semestre. É possível participar da seleção estudantes que ainda não tenham cumprido todas as disciplinas requeridas, que estejam cursando o sexto semestre, por exemplo. A seleção dos alunos é feita conjuntamente com a do Programa BRAFAGRI.

 

O aluno selecionado para o programa cursará os quatro últimos semestres completos do curso de Ingénieur SAADS da Montpellier SupAgro. O último semestre é reservado exclusivamente para estágio, com duração de 20 à 24 semanas (S10, Figura 2). Além do estágio final, o aluno deverá realizar um estágio de quatro semanas (corresponde ao estágio do primeiro ano da escola francesa) na França, antes de início das atividades do seu primeiro semestre na SupAgro (o sétimo semestre, S7, Figura 2), e um estágio de seis a oito semanas, também na França, ao final do período de formação do oitavo semestre (S8, Figura 2) (corresponde ao estágio do segundo ano da escola francesa). A duração total do curso, neste programa, é de onze semestres.

 

Duplo Diploma FZEA – Montpellier SupAgro - Tabela

Figura 2. Esquema ilustrativo de semestres (S) cursados na FZEA e na Montpellier SupAgro por alunos em programa de duplo diploma.

 

Reunião no Institut des Régions Chaudes (IRC)

Reunião no Institut des Régions Chaudes (IRC) da Montpellier SupAgro para estabelecimento do programa de duplo diploma com a Engenharia da FZEA/USP.

Reunião Montpellier SupAgro - campus Valette

Discussões relativas ao Duplo Diploma com equipe da Montpellier SupAgro, campus La Valette.

 

 

 

 
Translate »